Master: Marcos Macedo conquista ouro no I Campeonato Ibero-Americano de Atletismo 

0
18

A capital Lima, no Peru recebeu no último fim de semana, o I Campeonato Ibero-Americano Master de Atletismo. De acordo com a organização do evento, participaram da competição um total de 550 atletas de 22 países.

Entre os brasileiros, destaque para Marcos Macedo, morador de Ribeirão Preto, o atleta é campeão Paulista, Brasileiro e Sul-Americano de lançamento de dardo, o atleta ficou com a medalha de ouro ao bater o recorde lançando para 48,33m, seguido do colombiano Juan Diego Hoyos Correa e do peruano Humberto Parodi Suito.

Além de subir no lugar mais alto no pódio, no lançamento de dardo, Marcos Macedo, conquistou o bronze, no revezamento 4x100m. “Realmente a competição foi um sucesso, um estádio de primeiro mundo, com duas pistas intercaladas, a organização está de parabéns”, parabenizou Macedo.

Muito mais que uma competição

Durante a final do lançamento de dardo no I Campeonato Ibero-Americano Master de Atletismo, Marcos Macedo notou que o atleta peruano Humberto Parodi estava finalizando o movimento de forma que estava prejudicando seu rendimento.

“Eu notei que Humberto Parodi finalizava o momento com punho para baixo e expliquei para ele. No último lançamento, ele ouviu os conselhos, ajustou o punho e deu certo. Com o marca, acabou superando o chileno Patricio Enrique e ficou com o bronze”, explicou Marcos Macedo.

Ao final da competição, o peruano presentou o brasileiro com a camisa utilizada na competição.

O atleta conta com apoio do professor Germano (de Limeira), professor Lupercio (de Ribeirão Preto), Body Nutri (São João da boa Vista), ORLA e SESI (Limeira), CEFER USP, Academia BPM, Outback, Cotimax Corretora de seguros e Madri treinamento e marketing (Ribeirão Preto).

O evento foi organizado pela Associação Ibero-Americana de Atletismo (AIA) e pela Federação Peruana de Esportes de Atletismo (FDPA).

O Ibero-Americano, são todos os países do México para baixo, todos os países da América Latina, mais Portugal, Espanha e países que falam português e espanhol, como Angola e África do Sul.

Fotos: Divulgação

Comentar