Thiago André leva o Brasil à final dos 800m no Mundial de Atletismo

0
9

O Brasil terá quatro atletas na rodada desta terça-feira (dia 8) do Campeonato Mundial de Atletismo, em disputa no Estádio Olímpico de Londres. O destaque é Thiago André, que fará a final dos 800 m, a partir das 17:35, hora de Brasília (21:35, hora local).

Rosangela Santos e Vitoria Rosa disputarão a preliminar dos 200 m, enquanto Geisa Arcanjo participará da qualificação do arremesso do peso.

Thiago André conseguiu lugar na final ao ficar em quarto lugar na série 3 da fase semifinal dos 800 m, com 1:45.83. “Num Mundial, a gente busca sempre a classificação à fase seguinte”, disse Thiago após a prova, ainda na zona mista do Estádio. “Como fiz a última série, sabia que precisava correr abaixo de 1:45.93 e ficar pelo menos em quarto lugar da série 3, então me foquei nisso”, prosseguiu o meio-fundista da B3 Atletismo, treinado por Ricardo D’Angelo.

Mais tarde, no ônibus e depois no hotel, ele voltou a falar com entusiasmo da prova, que volta a ter um brasileiro na final, o que não acontecia desde 2003, quando Osmar Barbosa dos Santos foi o oitavo colocado em Paris. “Corri o que podia, do jeito que precisava, agora descanso um pouco e me preparo para a final”, concluiu.

Na prova, o Brasil tem três medalhas no Mundial: prata e bronze com Zequinha Barbosa em Tóquio 1991 e Roma 1987, e bronze com Joaquim Cruz, em Helsinque 1983, na primeira edição do evento.

Na preliminar dos 200 m, o Brasil terá Rosangela Santos e Vitória Rosa, na preliminar, a partir das 15:30 (19:30). Rosangela, atleta do Pinheiros, treinada por Eric Francis, foi a sétima nos 100 m, a primeira sul-americana a alcançar tal feito num Mundial (bateu o recorde sul-americano nas semifinais com 10.91). Vitória defende a B3 Atletismo e treina com Katsuhico Nakaya. “As duas estão bem e podem alcançar resultados”, disse o técnico.

Completa a presença brasileira nesta rodada desta terça-feira a arremessadora Geisa Arcanjo, do Pinheiros. A prova de qualificação do peso começará às 16:40 (20:40). “Só posso dizer que a Geisa vem se preparando bem”, sintetizou seu treinador, o cubano Justo Navarro, referindo-se à finalista olímpica em Londres 2012 e no Rio 2016.

Comente