Brasil encerra sua participação no biatlo e no curling por equipes nos Jogos de Lausanne 2020

0
12

O Brasil encerrou nesta terça-feira, 14, sua participação nos dois esportes que disputou na primeira semana dos Jogos Olímpicos de Inverno da Juventude Lausanne 2020.

No biatlo, Taynara da Silva disputou a prova de 6km e terminou na 94ª colocação entre 97 atletas. A atleta, no entanto, ainda tem duas provas de esqui cross-country na segunda semana.

Já a equipe de curling disputou seu último jogo na fase de grupos e acabou derrotada pela líder Suíça: 10 a 2. Essa foi a primeira vez que uma equipe do Brasil pontuou em todas as partidas de uma competição internacional.

“Sabíamos que seria um jogo muito duro, mas os meninos souberam aproveitar os momentos. Foi o nosso melhor jogo na competição”, afirmou o técnico Márcio Cerquinho.

A primeira brasileira a competir foi Taynara da Silva. A roraimense foi muito apoiada pelas crianças das escolas do Valle de Joux, que lotaram a Arena de Les Tuffes.

A curiosidade é que os pequenos e jovens estudantes são franceses, já que essa prova é disputa numa montanha localizada no território da França.

Taynara largou pontualmente às 13h40, no horário local (9h40, horário de Brasília), período em que o vento atrapalhou o desempenho dos biatletas, principalmente nas duas paradas para atirar.

“Eu me senti muito bem esquiando. Fui bem melhor do que na prova de 10km, até porque gosto mais do sprint. Dei o meu melhor e agora vou descansar nos próximos dias já pensando na disputa do esqui cross-country. Não deixem de torcer por mim”, disse a jovem de 17 anos.

Curling

No curling, o Brasil encerrou a sua participação enfrentando a poderosa equipe da Suíça, líder invicta do grupo mais forte de Lausanne 2020.

Comentar