Bruno Schmidt e Evandro se despedem do Jogos Olímpicos Tóquio 2020

0
24

Bruno Schmidt e Evandro foram eliminados do torneio de vôlei de praia dos Jogos Olímpicos nesta segunda-feira. Os brasileiros perderam de Martins Plavins e Edgars Tocs, da Letônia, por 2 sets a 0 (19/21 e 18/21) em 49 minutos de jogo no Shiokaze Park.

“O que posso falar desse jogo é que o sentimento que estou agora não é o que eu queria. Mas analisando friamente, eles foram superiores do primeiro set até o final do jogo”, afirmou Bruno, campeão .

“Depois de tudo que eu passei, eu adoraria viver uma história bacana e de muita superação, mais do que já estou tendo. Queria ter ajudado mais o Evandro na sua segunda participação olímpica. Eu acho que a gente merecia isso, depois de tudo que a gente passou. Ainda mais depois da pandemia, nosso time foi muito afetado. Se você for ver, 5 meses atrás eu estava saindo do hospital, eu nem sabia se estaria aqui. Não sabia se conseguiria me recuperar a tempo, iriam me substituir e eu perderia uma participação dessas. Tentei em curto prazo ser o melhor atleta que eu poderia ser, mas hoje não deu”, afirmou o jogador, que teve um quadro grave de Covid19.

Evandro reconheceu a superioridade dos adversários e disse que sua dupla agora precisa se recolher.

“No jogo de hoje nós tentamos mudar a forma, mudar o jogo. É muito difícil jogar atrás com o placar. Nós tentamos buscar no final do primeiro set, no final do segundo set, mas os letões jogaram melhor hoje, e isso fez toda a diferença para que eles saíssem com a vitória. Agora é levantar a cabeça e recolher nosso time. Tem etapas do Circuito Mundial ainda para acontecer até o final do ano e vamos em busca de melhoria, evoluir como time e como pessoa”, afirmou.

Agora, a dupla Bruno Schmidt e Evandro se preparam para o Circuito Mundial.

Comentar