Lara Araújo, campeã Regional do Vale do Tietê recorre a ajuda para manter-se no esporte

0
56

As dificuldades no esporte é uma realidade que vem assolando o Brasil nos últimos meses. A falta de incentivo, tem levado muitos a desistirem dos seus sonhos, ou se afastarem por um período, até se reestabelecerem financeiramente. Com a Amazona, Lara Araújo, 19, não foi diferente. Ela precisou recorrer as redes sociais para pedir auxílio e continuar no Hipismo, esporte praticado a cavalo.

São mais de 12 anos no esporte, a atual Campeã do Ranking 2018  da Regional do Vale do Tietê, carrega uma trajetória de sucesso, com títulos conquistados ao longo da sua história, que a motivam seguir carreira. Lara conquistou o 4° Ranking 2013 Regional ABC Categoria Principal (90cm), 6° Ranking 2013 Regional ABC Categoria Intermediária (80cm), tornando a única atleta da categoria a receber duas premiações. Ao todo, são mais de 10 classificações em competições.

Nos últimos meses, com a baixa na economia brasileira, a Amazona vem tendo dificuldades em se manter, o que a impossibilitou de participar de importantes competições. Foi então que, familiares e amigos se juntaram para conseguir alguma ajuda financeira para que Lara pudesse fazer as provas. “Não foi um ano fácil, enfrentamos muitos problemas para que ela conseguisse chegar até aqui. Familiares do nordeste e até amigos dela, se uniram em prol desta causa”, relata Rosana Nascimento, 51, mãe da atleta.

Com os pais desempregados, Lara persiste no sonho de se tornar uma grande Amazona no Brasil e participar das próximas Olimpíadas. “Eu sei que está bem longe ainda de tudo isso acontecer, mas estou dando um passo de cada vez. O meu último título representou isso. Competi apenas cinco vezes durante o ano e consegui ser campeã da regional. Isso me motivou muito!”, comenta Lara.

Sem patrocinadores e apenas com ajuda financeira, Lara continua na busca por incentivadores do esporte. Nos últimos dias, todos se uniram e fizeram um apelo pelas redes sociais, a fim de que qualquer quantia seria revertida para suas competições em São Paulo. Somente por meio dessas ajudas, a atleta poderá continuar no hipismo. “É uma situação complicada, mas sei que vai dar certo”, diz esperançosa.

No post que a atleta fez nas redes sociais, segue com informações da sua conta bancária e um vídeo mostrando um pouco de algumas das competições já realizadas. Em seu perfil do Instagram, Lara compartilha sobre a vida no hipismo.

Comentar