Osasco vence Bauru e fica com título no Paulista Feminino de Vôlei

0
0

O Osasco São Cristóvão Saúde conquistou na noite de terça-feira mais um título do Campeonato Paulista de Vôlei Feminino Adulto, Divisão Especial. A equipe, que venceu o Sesi Vôlei Bauru no jogo de ida, por 3 a 2, perdeu o segundo jogo pelo mesmo placar, parciais de 20/25, 25/27, 25/22, 25/21 e 15/10, mas garantiu o título no Golden Set após uma batalha de 2h52min de muita emoção e garra.

Foi a décima final consecutiva do representante de Osasco, que conquistou seu 15º título do principal torneio regional do país. Tandara,  do time osasquense, com 37 pontos, foi o destaque da partida.

Osasco começou melhor a segunda partida do playoff final. Venceu os dois primeiros sets e teve chance de garantir a vitória no terceiro, mas acabou não resistindo à reação do Sesi Vôlei Bauru.

A equipe da casa, com grandes desempenhos de Polina (33 pontos) e Adenizia (22 pontos),  venceu o terceiro e o quarto sets, levando a definição para o tie-break.

Na quinta parcial, as duas equipes estavam disputando ponto a ponto, chegando a empatar em 8/8. Porém, a motivação do Sesi após o reverter a situação adversa foi fundamental para fechar com 15/10 e forçar a definição no Golden Set.

No set extra, o Osasco São Cristóvão Saúde voltou mais focado e recuperou a confiança  do início do confronto. Com bom trabalho de defesa e bloqueio, a equipe foi abrindo vantagem, chegando a 18/12. Mesmo com a reação do Sesi, o time conseguiu fechar com 25/22, recuperando a hegemonia do vôlei paulista.

“Estou muito orgulhoso desse grupo que consegue levar esse troféu de novo para casa. Isso é muito importante. Tivemos dias difíceis, uma série final muito dura e vocês se mantiveram juntas e unidas, se respeitando e respeitando a comissão técnica. Todo esse esforço valeu a pena. Fizemos um trabalho muito bom e estamos criando uma coisa muito legal aqui. O campeonato paulista é o estadual mais difícil do Brasil e essa conquista representa muito para todos nós e para a cidade de Osasco, que tanto nos apoia”, enfatizou o técnico Luizomar de Moura.

Já o comandante do Sesi Vôlei Bauru, Anderson Rodrigues, reconheceu que o adversário foi mais competente nos momentos decisivos para ficar com o título. “Eles foram melhores que nós, mas a temporada é longa e temos muito a melhorar ainda”, ressaltou.

Equipes:

Osasco São Cristóvão Saúde: Roberta (3 pontos), Tandara (37), Jaque (9), Tainara (17), Mayany (13), Bia (7) e a líbero Camila Brait. Técnico: Luizomar. Entraram: Naiane, Karine, Gabi Cândido, Paracatu (1).

Sesi Vôlei Bauru: Dani Lins (4 pontos), Tifanny (17), Suelle (6), Polina (33), Mara (6), Adenízia (22) e a líbero Brenda Castillo. Técnico: Anderson Rodrigues. Entraram: Carol Leite, Fê Isis (3), Vanessa Janke, Maria Luiza (2) Pamela (1), Julia.

A classificação final do Paulista feminino ficou assim:

1 – Osasco São Cristóvão Saúde
2 – Sesi Vôlei Bauru
3 – São Paulo F.C/Barueri
4 – Esporte Clube Pinheiros
5 – Renata Country Club Valinhos
6 – São Caetano

Comentar