Talisca comemora oportunidade de lutar o Grand Slam

0
8

A atleta Talisca Reis começou o ano de 2020 somando mais um pódio na carreira, ao terminar em terceiro lugar no Aberto de Fujairah, nos Emirados Árabes. A competição além de abrir a temporada, foi a primeira disputa preparatória para o Pré-Olímpico que acontece em março, na Costa Rica.

“Começar o ano com uma medalha de bronze é algo que me deixa feliz. Foi a primeira competição preparatória para o pré-olímpico e isso me motiva bastante, sei que estou no caminho certo”, disse Talisca Reis.

A atleta não teve muito tempo de descanso dessa vez, já que a próxima competição já acontece neste final de semana. Talisca Reis disputa o Grand Slam, no domingo, 9 de fevereiro, no Centro Esportivo Tancredão.

Além de definir as vagas para representar o país no Pan-Americano da modalidade, a competição entra também no cronograma das disputas preparatórias para o Pré-Olímpico.

“Eu estou bem animada para participar dessa competição, que vai ser a minha última até a seletiva olímpica, em março, então vai ser bom para continuar corrigindo os erros e fazer alguns ajustes necessários na parte técnica, de lutas”, comentou a brasileira da categoria até 49Kg.

Talisca Reis comemora também a oportunidade de lutar em solo brasileiro, de poder contar com o apoio da torcida e do seu treinador de clube.

“É sempre bom lutar no Brasil, poder ter o carinho da torcida brasileira, dos amigos de equipe sempre juntos e também poder lutar sob o comando do meu treinador de clube Nicholas Pigozzi. Então, acredito que vai ser muito bom.”, conclui Talisca.

A atleta embarca na noite desta quinta-feira, para Vitória, no Espirito Santo, junto com o seu namorado Edival Marques “Netinho”, que dessa vez não lutará o Grand Slam por já ter a vaga garantida para o Pan-Americano, ele ainda terá mais uma competição internacional antes da disputa do pré-olímpico.

Comentar