Seleção de Judô é convocada para o Campeonato Mundial Júnior

0
0

A seleção brasileira Sub 21 foi convocada para representar o país no Campeonato Mundial Júnior – Zagreb 2017, que acontecerá no período de 18 a 22 de outubro na capital da Croácia. Para esse evento, a CBJ selecionou 19 jovens que se destacaram nacional e internacionalmente nesta temporada.

“Conseguimos levar os atletas a algumas das principais competições do Circuito Mundial Júnior, além de promovermos treinamentos de campo nacionais integrados com a equipe principal, o que fortalece muito a preparação desses atletas mais jovens”, ressalta Marcelo Theotônio, gestor das categorias de base da CBJ. “Com todo o processo, que leva em conta desempenho em competições, treinamentos e o posicionamento dos atletas no ranking nacional sub 21, construímos uma equipe jovem, mas com bastante bagagem, o que nos dá confiança para esse Mundial.”

Entre os convocados estão atletas que, inclusive, já participaram de competições do Circuito Mundial Sênior, como Daniel Cargnin (66kg), Jéssica Lima (52kg), Beatriz Souza (+78kg) e Larissa Pimenta (48kg), caçula da equipe principal e estreante em Mundiais.

“Tive uma evolução muito grande nos treinamentos de campo com a equipe Júnior e Sênior. Passei a acreditar muito mais em mim depois que vivi uma experiência incrível em Cancún, meu primeiro Grand Prix Sênior, e consegui chegar nas disputas de medalhas”, lembra a peso-ligeiro de 18 anos, que foi ainda campeã do reality show da Rede Globo, “Ippon – A Luta da vida”, nesse domingo, ao lado de David Lima (73kg), também convocado.

“Em 2015 eu sonhava com o mundial, era meu primeiro e último pensamento do dia querer estar lá, viver esse momento. Mas, infelizmente, não consegui a vaga do mundial juvenil. Isso serviu para me fortalecer cada vez mais . Hoje eu estou realmente muito feliz em receber essa convocação para o Campeonato Mundial Júnior.”

Medalhista de bronze no último Mundial Sub 21, Daniel Cargnin chegou a disputar dois dos maiores Grand Slam do Circuito Mundial, em Tóquio e em Paris, além de se sagrar vice-campeão pan-americano sênior neste ano, no Panamá. É o único do grupo que já medalhou em um campeonato mundial Sub 21 e conta com essa experiência para buscar seu segundo pódio.

“Ter lutado ao lado dos melhores atletas do Brasil, medalhistas em grandes competições, me trouxe muito conhecimento e uma visão mais ampla sobre competitividade. É um diferencial, com certeza. Agora, é pegar cada ensinamento obtido, confiar e acreditar que tudo vai dar certo”, projeta o meio-leve de apenas 19 anos.

Apresentação

A equipe se apresentará na próxima quarta-feira, 11, em Pindamonhangaba (SP). para a fase final de preparação. O embarque para Zagreb será no dia 16 e o retorno no dia 23.

A programação do Mundial Júnior começa no dia 17, com o sorteio das chaves, e os primeiros combates serão no dia 18, com as categorias (44kg, 48kg, 55kg e 66kg). No dia 19, lutarão os judocas dos pesos 52kg, 57kg, 66kg e 73kg. Em seguida, no dia 20, será a vez dos pesos 63kg, 70kg, 81kg e 90kg.

As categorias 78kg, +78kg, 100kg e +100kg encerram as disputas individuais no dia 21. E a competição por equipes mistas fechará o evento no dia 22.

Comente