Ficha técnica Rafaela Torres (Atualizada)

0
108

Nascida no Rio de Janeiro, Rafaela Torres, atleta da Orcampi fechou a temporada 2020 na terceira colocação do Ranking Brasileiro do Lançamento do Dardo, com 57,15 m. Conversamos com a atleta e montamos a Ficha técnica Rafaela Torres.

Ranking 2021 – Informação atualizada 18/05/2021
Rafaela Torres ocupa a terceira colocação no Ranking Brasileiro com – 55,70 m
A marca foi obtida no 1º Torneio Atletismo Paulista, realizado em Bragança Paulista.

Temporada 2021

Competições
5º Torneio Atletismo Paulista (15/05/2021) – 3º colocada – 54,26 (Praia Grande)
1º Torneio Atletismo Paulista (18/04/2021) – 3º colocada – 55,70 (Bragança Paulista)

Expectativa!
Top 50 no Ranking Mundial, da World Athletics, Rafaela Torres começa a temporada com a expectativa de pontuar para melhor sua colocação no Ranking.

“Minha expectativa para 2021, é melhorar a minha marca, tentar participar de algumas competições importantes para que eu consiga pontuar bem no Ranking Mundial e com isso melhorar a minha posição atual”, disse Rafaela.

Ficha técnica Rafaela Torres

Data de Nascimento27/11/91
Altura: 1,66 m
Peso: 65 kg
Natural de: Rio de Janeiro
Clube atual: Orcampi
Treinador: Sinval Oliveira
Prova: Lançamento do Dardo

Temporada 2020

Foto: Wagner Carmo

29 de fevereiro – Torneio FPA, 54,77 m
07 de março – Torneio FPA 52,87 m
31 de outubro – Campeonato Paulista 52,63 m
06 de dezembro – Grande Prêmio Brasil 57,15 m
13 de dezembro – Troféu Brasil 54,45 m

*Melhor marca: 57,74

Marcas e conquistas
Participação no Pan-americano e Sul-Americano 2019;
Campeã Estadual 2019;
7 medalhas no Troféu Brasil (3 de prata e 4 de bronze);
5º Mundial juvenil 2010;
2º lugar no Pan-americano juvenil 2009

Fala Rafa!

“Terminei 2020 em terceiro, foi um ano bem difícil para todos, com uma no parte dos treinos e competições cancelados. Com a volta das competições e as pistas abrindo novamente eu conseguir treinar e recuperar a forma física dentro das limitações que tínhamos, e com isso consegui competir bem o GP e o Troféu Brasil, porém cheguei nessas competições bem exausta devido a tudo que aconteceu durante 2020”, explicou Rafaela Torres.

Comentar